Entretenimento

Escritor britânico William Boyd escreverá novo livro de 007

AFP
William Boyd em premiação literária em Londres (7/2/07) Imagem: AFP

11/04/2012 21h47

Londres, 11 abr (EFE).- O escritor britânico William Boyd publicará no próximo ano uma nova versão das aventuras do agente secreto James Bond, criado por Ian Fleming na década de 50, informou nesta quarta-feira a agência de notícias "Press Association".

Boyd, de 60 anos, contou que aceitou o desafio de continuar a saga de romances do espião sem hesitar. "Quando me convidaram para escrever o novo James Bond, não tive dúvidas, aceitei na hora", disse.

O escritor, nascido em Gana e autor de livros como "Um bom homem na África" (1987) e "Any Human Heart (Qualquer Coração Humano, em livre tradução)" (2002), contou também que desde pequeno leu todos os romances da saga, introduzidos por seu pai ainda nos anos 60. A sua história predileta era "Da Rússia com amor".

O lançamento da nova aventura de 007 coincidirá com o 60º aniversário do primeiro romance de Fleming em que aparece Bond, "Cassino Royale". Boyd não quis revelar nenhum detalhe da nova história do agente, apenas comentou que transcorrerá em algum momento de 1969.

Outros cinco autores escreveram as histórias de James Bond desde a morte de Fleming, em 1964. O último foi o autor americano Jeffery Deaver, que em 2011 desenvolveu o lado mais humano do agente secreto em "Carta Branca".

A adaptação dos romances para os cinemas é uma das franquias com maior bilheteira da história. James Bond foi interpretado por diversos atores, o último deles o britânico Daniel Craig, que protagonizou dois filmes da saga ("Cassino Royale", em 2006, e "Quantum of Solace", em 2008) e prepara uma terceira, "Skyfall", ao lado do espanhol Javier Bardem.

Antes de Craig, outros atores como o escocês Sean Connery, o inglês Roger Moore e o irlandês Pierce Brosnan deram vida a um dos espiões mais famosos da ficção, que estreou há meio século com "O Dr. No" (1962).

William Boyd passou sua infância na África, mas está há muito tempo em Londres e é membro da geração de escritores britânicos do "boom" literário dos anos 80, junto a Martin Amis, Julian Barnes, Salman Rushdie e Ian McEwan.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo