Entretenimento

Tumulto interrompe apuração do carnaval de São Paulo

21/02/2012 19h37

São Paulo, 21 fev (EFE).- Um tumulto provocado por torcedores de escolas de samba inconformados com os votos obtidos por suas agremiações interrompeu nesta terça-feira a apuração que definiria a campeã do carnaval de São Paulo deste ano.

A invasão de torcedores violentos na área onde eram lidos os votos dos jurados obrigou os organizadores do desfile das escolas de samba de São Paulo a suspenderem provisoriamente a apuração quando faltavam apenas duas notas para serem divulgadas do último quesito.

A direção da Liga Independiente das Escolas de Samba de São Paulo informou que tentará chegar a um acordo ainda hoje com os presidentes dos diferentes grêmios recreativos para resolver o problema e proclamar o novo campeão.

Os dirigentes, no entanto, não esclareceram quando poderá ser retomada a apuração e se serão invalidados os votos que até agora não tinham sido divulgados.

Isso porque, segundo mostraram as imagens das redes de televisão que transmitiam o evento, um dos torcedores que invadiu o local roubou os envelopes fechados com os votos dos jurados e os rasgou.

O agressor utilizava uma camisa do Império de Casa Verde, que estava no 11º lugar da apuração, correndo o risco de ser rebaixado para a divisão de acesso do carnaval de São Paulo.

Outro grupo mais numeroso, formado principalmente de integrantes da Gaviões da Fiel, escola vinculada à torcida organizada do Corinthians, tentou invadir o local em que a polícia protegia os responsáveis pela apuração.

Após serem repelidos, os membros da Gaviões abandonaram o sambódromo do Anhembi, na zona norte de São Paulo, e se dirigiram em bloco à sede da escola.

No caminho, os vândalos lançaram pedras, provocaram um princípio de incêndio, tentaram destruir cercas metálicas e intimidaram motoristas dos veículos que passavam pelos arredores.

A polícia informou ter detido várias das pessoas que provocaram o tumulto, entre os quais foram identificados líderes das torcidas organizadas das escolas.

No momento da interrupção, a Mocidade Alegre liderava a apuração com nota máxima em todos os critérios avaliados e 170 pontos acumulados.

Em segundo lugar estava a Rosas de Ouro, com 169,8 pontos, em terceiro a Vai-Vai, com 169,6. A Gaviões da Fiel era a nona colocada, com 169,2 pontos.

A Gaviões apresentou no sambódromo um enredo em homenagem ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que não pôde comparecer ao desfile, mas esteve presente em dezenas de imagens e inclusive gravou um vídeo que foi exibido durante o desfile.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo