Entretenimento

Leões do palácio de Alhambra voltam a jorrar água após restauração

14/01/2012 19h03

Granada (Espanha), 14 jan (EFE).- Os leões do pátio mais famoso do palácio de Alhambra, em Granada, no sul da Espanha, foram restaurados e voltaram neste sábado a jorrar água com a inauguração de um novo sistema hidráulico.

Após um trabalhoso processo de cinco anos as 12 míticas esculturas voltaram para o complexo. A reforma vai permitir que a água seja aquecida em dias frios e evitará que a cal danifique as estátuas.

Os leões, que datam da segunda metade do século XIV, quando foram construídos pelo sultão Muhammad V, voltarão a jorrar a água procedente da colina de Sabika, por um orifício na parte inferior da pata dianteira esquerda de cada uma deles.

A obra de recuperação do conjunto, que custou US$ 27 milhões, será concluída em dois meses com a pavimentação do piso de mármore de Macael. Depois disso, os turistas poderão visitar novamente a atração turística.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo