Entretenimento

Joe Dante, criador dos Gremlin, elogia o cinema em 3D

Agencia EFE

10/11/2011 23h28

Mar del Plata (Argentina), 10 nov (EFE).- O diretor e produtor americano Joe Dante, criador dos populares Gremlins, reconheceu nesta quinta-feira as vantagens do cinema em 3D, durante uma aula especial no Festival de Cinema de Mar del Plata, na Argentina.

Diante de um auditório lotado de jovens fãs, Joe Dante, diretor de "Gremlins" (1984) e "Gremlins 2: A Nova Geração" (1990), repassou o início da sua carreira ao lado de Roger Corman, mestre dos filmes B e a pessoa responsável por introduzi-lo em Hollywood.

"Nesse momento não imaginava que Roger Corman chegaria a ser meu amigo, era uma figura paterna. Todos os que trabalhávamos para ele nos esmerávamos para agradá-lo, produzindo os filmes mais baratos e o mais rápido possível", comentou.

"Naquele tempo o mercado precisava de muitíssimas pessoas jovens como eu", enquanto "a situação atual é muito menos acolhedora", admitiu.

Dante lembrou também que ele e Corman não se consideravam parte da indústria cinematográfica. "Éramos como pessoas que vivíamos à margem, nos interstícios da indústria", acrescentou.

Segundo o diretor, Corman lhe deu muita liberdade para trabalhar e o mesmo aconteceu depois com Steven Spielberg na saga dos Gremlins.

Após o sucesso do primeiro filme dos monstros, Dante reconheceu que "estava um pouco farto" daqueles personagens, mas os estúdios trabalharam durante anos na segunda parte e "me disseram que se eu fizesse a sequência me deixariam fazer o que quisesse e aceitei imediatamente".

Um novo capítulo nas aventuras destas criaturas não seria uma continuação, "mas um remake", ressaltou Dante, que brincou com a possibilidade de fazer uma terceira parte se houvesse um projeto interessante, mas "isso não vai acontecer".

Dante também falou sobre influência das mudanças tecnológicas nas produções de cinema e televisão e reconheceu seu interesse pelo trabalho em 3D após seu último trabalho, "The Hole" (2009), um filme de terror premiado no Festival de Veneza como melhor produção em três dimensões.

"É uma tecnologia muito boa para contar histórias, porque o 3D como recurso serve para expressar o dramatismo", afirmou o diretor que também não ocultou seu gosto por séries de televisão, especialmente "Mad Men" e "Dexter".

A 26ª edição do Festival Internacional de Cinema de Mar del Plata receberá no sábado o ator americano Willem Dafoe, horas antes de seu encerramento. EFE

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo