Entretenimento

América Latina apresenta os dez filmes que vão disputar indicação ao Oscar

13/10/2011 18h31

(corrige nome de diretor no sétimo parágrafo).

Bogotá, 13 out (EFE).- Filmes de western, de ação e vários dramas são algumas das apostas do cinema latino-americano para brigar pela indicação ao Oscar 2012 na categoria melhor filme estrangeiro.

As dez películas que foram escolhidas para representar seus países passarão por dois filtros até reduzir seu número a cinco. A decisão final será feita no dia 24 de janeiro, um mês antes da festa do Oscar, no dia 26 de fevereiro, em Los Angeles.

Nesse ano, a expectativa é que o número de filmes escolhidos para concorrer ao prêmio seja maior do que no ano passado, quando entre 11 produções, apenas uma disputou a estatueta. Na ocasião, o mexicano "Biutiful", dirigida por Alejandro Gonzalez Iñárritu e protagonizada pelo espanhol Javier Bardem, perdeu o prêmio para "In a Better World", da Dinamarca.

O filme brasileiro escolhido para disputar a indicação ao Oscar é Tropa de Elite 2, de José Padilha, que em apenas dois meses de exibição se tornou o maior sucesso de bilheteria da história do país. A sequencia de "Tropa de elite" aborda a corrupção policial e suas infiltração na política.

O filme indicado pelo Peru é o drama "Octubre", dirigido pelos irmãos Daniel e Diego Vega e protagonizado por Bruno Odar. O Uruguai escolheu "La casa muda", produção de apenas US$ 6 mil e que foi filmado em quatro dias. O filme relembra uma história real que aconteceu no Uruguai, quando dois corpos foram achados mutilados dentro de uma casa de campo.

O Chile elegeu "Violeta se fue a los cielos", de Andrés Wood, que conta a vida da cantora Violeta Parra. De Cuba, chega "Habanastation", do diretor Ian Padrón, que narra a história de duas crianças que vivem em realidades econômicas diferentes. A produção foi um sucesso na ilha e recebeu diversos prêmios.

A Colômbia indicou "Los colores de la montaña", de Carlos César Arbeláez, outra estreia que obteve reconhecimento internacional. O filme narra a trajetória de três meninos que tentam recuperar uma bola de futebol que caiu num campo minado.

O México elegeu o controverso "Miss bala", de Gerardo Naranjo, que conta a história de uma jovem de Tijuana (México) que sonha ser miss em meio à criminalidade da região.

Após 16 anos de ausência, a República Dominicana competirá com "La hija natural", drama dirigido por Leticia Tons que narra a vida de uma jovem que após perder sua mãe decide conhecer o pai. Na corrida pela estatueta, a Venezuela contará com "El rumor de las piedras", sobre uma mãe que tenta superar as inundações ocorridas numa região do país em 1999.

A Argentina, que em 2010 concorreu ao Oscar com "O segredo dos seus olhos", concorrerá à indicação com "Aballay", de Fernando Spiner, um western baseado num conto de Antonio Di Benedetto e protagonizado por um ladrão e assassino interpretado por Pablo Cedrón.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo