Entretenimento

Se fosse hoje, Monty Python provavelmente não filmaria "A Vida de Brian"

10/10/2011 21h58

Londres, 10 out (EFE).- O cineasta britânico Terry Jones, integrante do grupo satírico Monty Python, reconhece que hoje provavelmente não realizaria o filme "A Vida de Brian" (1979) devido ao aumento do fervor religioso na sociedade atual, conforme ele mesmo diz em entrevista à revista "Radio Times".

A comédia, lançada em 1979, foi dirigida por Jones e conta a história de Brian, um sujeito que vive na época de Jesus Cristo, passa por experiências paralelas a ele, alia-se a grupos contra a hegemonia do Império Romano e até morre crucificado.

Protagonizado pelos atores John Clesse, Michael Pallin, Graham Chapman e Terry Gilliam, o longa-metragem provocou então enorme polêmica e foi acusado de blasfêmia porque, segundo os críticos, insulta a imagem de Cristo.

O diretor de 69 anos garante que nunca pensou que a fita fosse se tornar tão controversa. Jones lembra que, na época em que dirigiu o filme, a religião era vista como algo defasado e criticar a estrutura da Igreja, segundo ele, "era como golpear um macaco morto".

"No entanto, agora o religioso voltou com força. Pensaríamos duas vezes antes de fazê-lo em um momento assim", explica.

Perguntado se ousaria a realizar um filme satírico sobre a religião muçulmana, Jones admite que "provavelmente não". "Veja o que aconteceu com Salman Rushdie: seu livro 'The Satanic Verses' o fez viver oculto durante dez anos", exemplificou o cineasta, referindo-se a uma obra literária que despertou grande polêmica entre o mundo islâmico.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo