Topo

Entretenimento

National Gallery mostrará último trabalho de Lucian Freud em fevereiro

Shaun Curry/AFP
"Autorretrato com um olho roxo", óleo em tela realizado em 1978 por Lucian Freud, neto de Sigmund Freud, é exibido na casa de leilões Sotheby's de Londres (27/01/2010) Imagem: Shaun Curry/AFP

20/09/2011 09h45

Londres, 20 set (EFE).- O último quadro que o artista plástico britânico Lucian Freud pintou antes de morrer, em 20 de julho, será exibido pela primeira vez na National Portrait Gallery em fevereiro do ano que vem.

A obra "Portrait of the Hound 2011", mostra um nu inacabado no qual se vê o ajudante de Freud, David Dawson, junto com seu cachorro Eli. Freud, muito conhecido por seus retratos e nus, estava pintando esse quadro pouco antes de morrer, aos 88 anos.

Na exposição serão exibidos mais de 100 quadros e trabalhos em papel, entre pinturas que datam do começo da carreira do artista na década de 1940, emprestados por museus e colecionadores particulares do mundo todo.

A seleção de obras da National Portrait Gallery é resultado de muitos anos de planejamento com o museu londrino e irá mostrar principalmente retratos de Freud e pinturas raras de seus amantes, amigos e parentes. "A National Portrait Gallery está orgulhosa por ter conseguido reunir tantos retratos de um dos grandes artistas do nosso tempo", disse a diretora da instituição, Sandy Naime.

Freud se tornou o pintor vivo mais cotado quando em 2008 sua tela "Benefits Supervisor Sleeping" (1995), que mostra uma mulher obesa em um sofá, foi leiloada por US$ 33,6 milhões na sede nova-iorquina da Christie's.

A pintura a óleo é considerada a mais importante já comercializada e teve como modelo Sue Tilley, uma supervisora da assistência social de Londres que posou para o artista diversas vezes.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento