Entretenimento

Mandante do ataque que matou Facundo Cabral é costarriquenho

15/07/2011 18h39

Guatemala, 15 jul (EFE).- O autor intelectual e mandante do ataque que matou o artista argentino Facundo Cabral, identificado pelas autoridades da Guatemala como "Alejandro", é um narcotraficante costarriquenho, asseguraram nesta sexta-feira fontes ligadas à investigação.

"'Alejandro' é costarriquenho e as autoridades já o localizaram", disse à Agência Efe uma fonte oficial próxima à investigação que solicitou o anonimato.

O ministro do Interior guatemalteco, Carlos Menocal, disse horas antes aos jornalistas que as forças de segurança da América Central e a Interpol realizam operações conjuntas para conseguir capturar "Alejandro", a quem identificou só como "um cidadão centro-americano" sem revelar sua nacionalidade.

"Foi dado o alerta na América Central por meio da Interpol", precisou Menocal, enquanto o presidente guatemalteco, Álvaro Colom, assegurou a jornalistas que confiou que em breve o homem seria detido.

Segundo as investigações das autoridades guatemaltecas, "Alejandro" teria ordenado o assassinato do empresário nicaraguense Henry Fariña, que supostamente roubou o dinheiro da venda de uma carga de droga na Nicarágua.

"Alejandro" encarregou o assassinato de Fariña ao guatemalteco Elkin Vargas, que executou o ataque no sábado passado junto a um grupo de sicários comandados por ele, entre eles Wilfred Allan Stokckes.

No atentado morreu o cantor argentino Facundo Cabral, a quem Henry Fariña levava ao aeroporto da capital guatemalteca. O empresário, que recebeu oito tiros, se recupera em uma clínica da Guatemala sob fortes medidas de segurança.

Vargas e Stokckes estão detidos desde terça-feira passada e, segundo os investigadores, outros cinco membros do grupo, três homens e duas mulheres, são procurados pelas forças de segurança.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo