Entretenimento

Festa de São Firmino termina após 204 horas seguidas de atividades

14/07/2011 14h03

Pamplona (Espanha), 14 jul (EFE).- Após 204 horas ininterruptas de diversão, milhares de pessoas, com velas nas mãos, entoarão na noite desta quinta-feira em Pamplona, no norte da Espanha, a popular canção "Pobre de mí" que encerrará a tradicional Festa de São Firmino.

A canção será a última das 520 atividades da programação do festival, com destaque para as internacionalmente conhecidas corridas de touros.

Pelas estreitas ruas da cidade, centenas de pessoas correm diante de seis feras em um percurso de 800 metros. São minutos de tensão, uma vez que 15 pessoas já morreram durante as corridas desde que o festival começou a ser realizado em 1922.

Neste ano, foram atendidos 43 corredores - quatro deles com ferimentos causados pelos chifres dos animais. Esses atendimentos estão incluídos no número total de 954 ocorrências relacionadas com a festa - em 2010, o número de feridos por causas diversas foi de 996.

A última noite do evento será marcada por um protesto convocado pela Federação de Amigos de Pamplona para denunciar o "notável" aumento de agressões sexuais registrados nesta edição da Festa de São Firmino.

Um aumento que tem seu "expoente máximo", de acordo com a Federação, na denúncia de uma jovem de 22 anos que teria sido agredida sexualmente sofrida em pleno centro de Pamplona, além de outro caso de estupro ocorrido nos últimos dias.

As autoridades locais expressaram sua preocupação com os fatos, que qualificaram de "muito graves", mas quiseram destacar ao mesmo tempo o bom ambiente do festival.

Durante estes dias, Pamplona recebeu 639 jornalistas de todas as partes do mundo, que seguiram os passos de outro ilustre profissional a quem a Festa de São Firmino deve boa parte de sua fama internacional - foi o escritor americano Ernest Hemingway que universalizou o festival em seu romance "O Sol Nasce Sempre".

Finalmente, na meia-noite desta quinta-feira, após nove dias seguidos de festa, oito corridas de touros e milhares de litros de vinho consumidos, milhares de vozes se juntarão para cantar "Pobre de mí, pobre de mí, que se han acabado las fiestas de San Fermín...".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo