Entretenimento

Filha mais velha de Sarah Palin ataca ex-namorado em livro de memórias

21/06/2011 22h43

Washington, 21 jun (EFE).- Bristol Palin, filha mais velha da ex-candidata à Vice-Presidência dos Estados Unidos Sarah Palin, atacou seu ex-namorado e pai de seu filho, Levi Johnston, em um livro de memórias lançado nesta terça-feira.

Em "Not Afraid of Life: My Journey So Far" ("Sem Medo da Vida: Minha Viagem Até Agora", na tradução literal), Bristol, de 20 anos, explica sua versão do romance de adolescência com Levi, que a levou a perder sua virgindade em uma noite de bebedeira durante um acampamento.

Colegas de escola, os dois começaram a sair depois que ele, com fama de bonito e desbocado, perguntou em uma mensagem de texto "Quer ser minha garota?" - e ela rejeitou, exigindo que ele fizesse o pedido pessoalmente.

Segundo Bristol, Levi sempre a traiu com outras moças, mas ela fez pouco caso das mentiras, pois era tão "bajulada" que acreditava no amor do ex-namorado.

Certa noite, após contar à mãe que dormiria na casa de uma amiga, a adolescente foi acampar com Levi e outros amigos. Sem nunca ter provado bebidas alcoólicas na vida, "não sabia que o vinho barato também te embebeda como as bebidas mais fortes", escreveu no livro.

Após cair "no abismo escuro da embriaguez", Bristol despertou no dia seguinte sem lembrar nada da noite anterior, mas com a sensação que algo não estava bem. Uma amiga confirmou que ela tinha feito sexo com Levi.

"Todos meus planos, minhas promessas, meus princípios morais tinham desaparecido em uma noite horrorosa e uma série de decisões erradas", comenta Bristol em suas memórias.

Mesmo tomando pílula anticoncepcional, a moça engravidaria em outra ocasião e, depois de oito testes de gravidez que confirmaram seu estado, achou que isso representaria "o choque de realidade" que faria Levi agir diferente.

Ao saber da notícia, a primeira reação do rapaz foi dizer "é melhor que seja um menino", embora posteriormente tenha assegurado que conseguiria um trabalho para sustentar a família.

A relação acabaria logo após o nascimento de Tripp, em dezembro de 2008. Desde então, Levi é malvisto pela família Palin e deve publicar em breve seu próprio livro de memórias, no qual contará sua versão sobre a relação.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo