Entretenimento

Museu do campo de extermínio de Sobibor é fechado por falta de fundos

02/06/2011 14h02

Varsóvia, 2 jun (EFE).- O museu do antigo campo de extermínio nazista de Sobibor, no leste da Polônia, onde durante a Segunda Guerra Mundial mais de 250 mil pessoas foram assassinadas, se viu obrigado a fechar suas portas por falta de fundos para sua manutenção.

"Trata-se de um dos maiores cemitérios da Europa, para muitas pessoas um lugar santo, que, no entanto, agora tem que fechar suas portas", lamentou nesta quinta-feira um dos responsáveis pelo museu, Marek Bem, que reconheceu que "sem dinheiro" a instituição não tem como funcionar.

Segundo o jornal "Rzeczpospolita", o museu precisa de cerca de 250 mil euros anuais para poder se manter.

O antigo campo de extermínio depende das autoridades locais, embora a partir de 2012 esteja previsto que se torne competência do Ministério de Cultura, que já assegurou que apoiará economicamente o funcionamento do memorial que atualmente ocupa as instalações.

"Devido à difícil situação financeira, se viram obrigados a restringir as atividades do museu", reconheceu Wieslaw Holaczuk, presidente do município de Wlodawa, na região fronteiriça com Ucrânia e Belarus, onde fica o campo de extermínio.

Recentemente os responsáveis pelo memorial do campo de concentração de Auschwitz, também na Polônia, lançaram uma campanha internacional para arrecadar fundos que permitam a manutenção de suas instalações.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo