Entretenimento

Começa o último dia de desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro

07/03/2011 21h56

Rio de Janeiro, 7 mar (EFE).- O segundo e último dia dos desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro começou para colocar ponto final na festa de Carnaval mais emblemática do Brasil.

A escola União da Ilha foi a primeira a entrar na Marquês de Sapucaí, um local com capacidade para 60 mil pessoas, coração do carnaval carioca.

A União da Ilha perdeu parte de seus carros alegóricos no mês passado em um incêndio que afetou outras duas escolas do Grupo Especial, por isso não pôde apresentar todo o luxo que pretendia em seu desfile.

O tema escolhido pela escola foi "O mistério da vida", com o qual repassa a evolução das espécies e a viagem realizada pelo cientista Charles Darwin para elaborar sua pesquisa.

Até aproximadamente 6h da manhã de terça-feira outras cinco escolas desfilarão ao som do samba pela avenida, que está lotada da mesma forma que na véspera, quando foram realizados os primeiros desfiles.

A segunda escola a desfilar é o Salgueiro, que vai falar sobre o cinema e dar espaço em seus carros alegóricos a personagens como King Kong, Super-homem e outros ícones de filmes brasileiros e americanos.

Depois a Mocidade Independente de Padre Miguel mostrará em sua apresentação a origem das festas, comemorações e, consequentemente, do Carnaval carioca.

A quarta escola será a Grande Rio, que foi a mais afetada pelo incêndio e que falará da cidade de Florianópolis.

A penúltima a desfilar, já na madrugada de terça-feira, será a Porto da Pedra, que decidiu homenagear a escritora Maria Clara Machado.

Para terminar, entrará na avenida, com as primeiras luzes do dia, uma das favoritas ao título, a Beija-Flor. A escola mostrará a trajetória do cantor Roberto Carlos, que participará do desfile no último carro alegórico a cruzar a avenida.

Entre a noite de domingo e a madrugada desta segunda-feira desfilaram as primeiras seis escolas, entre as quais se destacou a Unidos da Tijuca.

Na quarta-feira será feita a apuração dos votos para descobrir qual foi a melhor escola de samba, levando em conta vários critérios como fantasias, harmonia e bateria.

Entre as 12 escolas participantes, as três atingidas pelo incêndio não receberão notas, por isso não poderão ser campeãs, mas também não estarão ameaçadas pela queda para a segunda divisão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo