Entretenimento

"Os Agentes do Destino" reúne futuro, amor, chapéus e Matt Damon

03/03/2011 17h07

Alicia García de Francisco.

Redação Central, 3 mar (EFE).- Os filmes futuristas, os de ação e os romances são os que melhor funcionam para ilustrar cartazes, portanto misturar os três e incluir Matt Damon pareceria a priori uma boa ideia. Mas só a priori, como prova "Os Agentes do Destino".

George Nolfi, roteirista de filmes como "Doze Homens E Outro Segredo" e "O Ultimato Bourne" assim achava e decidiu utilizar uma história que continha todos esses elementos e que tinha sido escrita por alguém como Philip K. Dick, autor de "Andróides Sonham Com Carneiros Elétricos?", o precursor de "Blade Runner: O Caçador de Andróides".

Além disso, Nolfi pôde contar com Matt Damon, o ator fetiche de todo filme de ação de sucesso, e acompanhado por Emily Blunt, uma atriz subvalorizada em quase todos seus papéis, incluído este.

Mas apesar de tudo o que tinha a seu favor, Nolfi não soube encontrar nem o pulso nem o ritmo para um filme que se sustenta unicamente pelo bom trabalho dos atores.

De forma nada clara e com muitos pontos por resolver, "Os Agentes do Destino" narra a história de David Norris (Damon) um político com futuro promissor quando um escândalo acaba com sua corrida senatorial ao tempo que conhece a mulher de sua vida, Elise (Emily).

Um grupo de homenzinhos cinzas e com chapéu controlam seu destino e o de toda a humanidade e nele não está escrito que David e Elise acabem juntos. Portanto David terá que desafiar tudo e todos para conquistar o amor.

Parece novela, embora misture elementos de ficção científica com perseguições de thriller e algumas das cenas mais típicas das comédias românticas.

Mas tanta mistura não engrandece o resultado. Pelo contrário, uma narração cheia de elementos foi um claro exemplo que menos é mais.

Embora o romance tem o maior peso do filme, a falta de determinação do diretor para decidir-se por um enfoque faz com que "Os Agentes do Destino" seja mais uma tentativa fracassada de inovar no cinema.

Matt Damon está bem, como sempre, embora já tenha se esgotado no mesmo tipo de papel e Emily Blunt continue pedindo papéis com mais presença.

"Os Agentes do Destino" estreia na sexta-feira nos cinemas dos Estados Unidos e no dia 15 de abril no Brasil.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo