Topo

Entretenimento

Servidor francês de telecomunicações desafia censura no Egito

29/01/2011 16h29

Paris, 29 jan (EFE).- Um servidor francês pôs à disposição dos egípcios uma rede que permite que os internautas se conectem à internet mediante via telefônica e rompe assim o bloqueio imposto pelas autoridades egípcias desde a sexta-feira de manhã, informou neste sábado o jornal "Le Figaro".

O site do jornal francês assinala que o servidor French Data Network (FDN), com "um método rudimentar", facilitou o acesso de internautas com uma rede telefônica (RTC).

O próprio FDN explica em seu site que a pessoa que tenha uma RTC, em vez de marcar o número de seu operador local, tem que registrar o número francês (0033172890150) e identificar-se com o nome de usuário e senha que puseram à disposição:"toto".

"Esperamos contribuir com esta medida à liberdade de expressão dos egípcios", declarou a FDN, ao afirmar que consideram a interrupção das comunicações "um ataque flagrante de um Estado contra internet".

Os telefones celulares, que tinham sido essenciais para articular os protestos dos dias anteriores às manifestações, ficaram sem serviço durante o dia todo de sexta-feira, quando dezenas de milhares de egípcios saíram às ruas para pedir a renúncia do presidente egípcio, Hosni Mubarak.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento