Topo

Entretenimento

Morre a escritora argentina María Elena Walsh

10/01/2011 14h46

Buenos Aires, 10 jan (EFE).- A escritora e compositora argentina María Elena Walsh faleceu nesta segunda-feira em Buenos Aires, aos 80 anos, após enfrentar uma doença por um longo período, confirmou a imprensa local.

A escritora, quem nos últimos meses tinha reduzido ao mínimo suas aparições públicas, ganhou o reconhecimento internacional pela criação de personagens infantis como Manuelita La Tortuga.

Nascida em Buenos Aires em 1930, publicou seu primeiro poema aos 15 anos e seu primeiro livro, "Outono Imperdoável", aos 17.

María Elena escreveu mais de 40 livros infantis e compôs canções que foram interpretados por alguns dos mais populares cantores ibero-americanos, como Mercedes Sosa e Joan Manuel Serrat.

Na década de 1950 se exilou em Paris com sua compatriota Leda Valladares, com quem formou o duo "Leda e María" e gravou o disco "Le Chant du Monde" ("O Canto do Mundo", em tradução livre).

Durante seus quatro anos na capital francesa, a escritora começou a produzir poemas e contos para crianças, um trabalho que a transformou em uma conhecida figura da literatura infantil na América Latina.

Entre as décadas de 1960 e 1970 publicou a maior parte de seus livros infantis. Em 1985 foi nomeada Cidadã Ilustre da Cidade de Buenos Aires e, em 1990, Doutor Honoris Causa da Universidade Nacional de Córdoba e Personalidade Ilustre da Província de Buenos Aires.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento