Entretenimento

Artista vira "celebridade" ao ficar pendurada nua em performance malsucedida

BBC
Norueguesa Hilde Krohn Huse queria filmar apenas pouco mais de um minuto em bosque britânico mas não conseguiu desfazer nó e ficou presa por meia hora Imagem: BBC

28/07/2015 12h27

Uma artista norueguesa que mora na Grã-Bretanha teve uma performance malsucedida transformada em um vídeo de sucesso online.

Hilde Krohn Huse, de 26 anos, resolveu ir para um bosque perto de sua casa em Surrey e filmar sua performance como parte de um projeto de arte.
"Esta era uma cena que eu queria incluir em um vídeo. Na minha cabeça era para ser muito simples: subir, ficar pendurada, descer e ir para casa", disse a artista em uma entrevista à radio 5 Live da BBC.

O detalhe é que a artista faria isto nua, em uma área isolada, pendurada por cordas em um galho de uma árvore, sem nenhum tipo de proteção.
"Era um lugar bem isolado, um bosque. As pessoas mais próximas estavam a uma distância de meia, uma milha (cerca de 1,6 quilômetro)."

Depois de ficar pendurada pela perna de cabeça para baixo durante um pouco mais de um minuto, para conseguir a imagem que faria parte do projeto, Hilde tentou se soltar da corda, mas o nó no tornozelo estava muito apertado.

Ela ficou vários minutos tentando se soltar - tudo isso sendo registrado pela câmera de vídeo.
Hilde chega a subir no galho, mas cai e fica pendurada de cabeça para baixo.

A artista reconhece que não se preparou corretamente.

"Acho que não levei muito a sério. Eu estava tipo: 'ei gente, vou lá no bosque me pendurar, se não voltar em duas horas, tentem me encontrar'."
Depois de cerca dez minutos, Hilde começa a gritar e pedir ajuda aos amigos. Mas, enquanto ninguém ouvia seus pedidos, ela continuou pendurada, nua, no galho da árvore durante meia hora. A bateria da câmera acabou antes disso.

Uma amiga veio soltá-la do galho.

BBC
Inicialmente, a artista precisaria apenas de pouco mais de um minuto de imagens pendurada na árvore Imagem: BBC
Apesar de o projeto não ter saído como ela inicialmente tinha pensado, Hilde resolveu postar o vídeo de 11 minutos em seu site e 500 mil pessoas já assistiram a luta da artista para se livrar das cordas.

"Cerca de meio milhão de pessoas (já viram o vídeo). Então, virou meio que uma piada, um momento de um erro em minha vida. Ainda está criando muita conversa entre vários aspectos culturais diferentes", disse.

E o "erro" de Hilde acabou cumprindo a intenção original de se tornar um objeto de arte. Ela inscreveu o vídeo, descrevendo-o como "uma ruptura entre perfomance e realidade", em um prestigioso concurso e acabou sendo um dos 37 artistas selecionados - entre mais de 1,6 mil inscritos - para uma das mais importantes exposições dedicadas a artistas novos da Grã-Bretanha, o Bloomberg New Contemporaries.

"Sinto que é um sucesso agora, mesmo que as pessoas estejam rindo de mim. Acho que elas não percebem é que estou rindo com elas também", acrescentou.

Quando questionada se esta é a imagem que a seguirá para o resto da vida, a artista responde rindo: "Tudo bem, meu corpo nu já me segue todo dia de qualquer jeito!"
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo