Livros e HQs

Argentina barra 90% dos livros que São Paulo apresentaria em feira

MATIAS NAPOLI/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
24.abr.2014 - O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), recebe o título de cidadão ilustre de Buenos Aires, durante a 40ª Feira do Livro de Buenos Aires, e é cumprimentado pelo escritor Ziraldo Imagem: MATIAS NAPOLI/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

25/04/2014 08h38

A Argentina barrou 90% dos livros que São Paulo levaria à Feira do Livro de Buenos Aires, inaugurada nesta quinta-feira e que homenageará a cidade brasileira, impondo "travas comerciais" para a entrada dos produtos.

A prefeitura de São Paulo investiu R$ 2 milhões para a cidade ser homenageada na feira. Mas, mesmo assim, só uma fatia dos livros foi liberada pelo governo. "Dos 5 mil livros que queríamos trazer, trouxemos 500", disseram assessores do prefeito Fernando Haddad. "Certamente é mais fácil enviar frango e autopeças para cá".

O secretário de Cultura, Juca Ferreira, confirmou a jornalistas brasileiros que obras haviam sido barradas pelo país vizinho.

As exigências argentinas para importação são frequentemente criticadas por empresários brasileiros e se tornaram questão permanente na agenda bilateral.

Industriais do Brasil reclamam, principalmente, de uma medida que, na prática, impede, atrasa ou limita as exportações ao vizinho, a Declaração Juramentada de Autorização de Importação (DJAI).

No caso dos livros, as dificuldades teriam sido principalmente "burocráticas", segundo fontes do governo brasileiro, o que levou autoridades de São Paulo a desistir da quantidade inicial dos livros.

O valor gasto na feira inclui despesas com livros de 100 autores, 25 filmes e músicos, como Arnaldo Antunes, que se apresentarão ao longo das três semanas de evento, representando a "diversidade" de São Paulo, segundo Haddad.

"Acho que é uma construção típica do Juca (Ferreira) de congregar e de mostrar toda a diversidade da cidade. Para que a nossa participação aqui fosse a mais participativa possível. Será um painel da cultura de São Paulo", disse o prefeito.

Ferreira justificou o investimento num esforço de "aproximar" a cultura das duas cidades que, segundo ele, "têm muito em comum".

O esforço parece ter surtido efeito - ao menos para os realizadores do evento. "São Paulo faz uma apresentação impressionante", disse à BBC Brasil a organizadora da feira, Gabriela Adamo.

Organizadores definem a feira como uma das maiores do mundo pela quantidade de dias, público, livros e espaço onde ela é realizada, até o dia 12 de maio, no bairro de Palermo.

'Portenhos na Copa?'

Haddad caminhou com o prefeito de Buenos Aires, Mauricio Macri, de centro-direita, pela estação de metrô Plaza Italia. O prefeito paulistano questionou sobre como a cidade pagava o serviço de metrô, que até recentemente era ligado ao governo federal.

O petista quis saber ainda se "muitos portenhos" virão para a Copa do Mundo, cuja abertura será em São Paulo no dia 12 de junho, com partida entre Brasil e Croácia. Macri disse que sim, e brincou que a única diferença entre eles seria na hora de torcer no Mundial.

"Buenos Aires e São Paulo estão cada vez mais próximas. E hoje para os paulistanos, vir aqui é quase como uma ponte aérea Rio São Paulo", disse, ao entregar a Haddad o titulo de cidadão iluestre da cidade.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Página Cinco
Página Cinco
AFP
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
DW
Página Cinco
Da Redação
Da Redação
Página Cinco
Roberto Sadovski
Página Cinco
EFE
Página Cinco
EFE
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
BBC
BBC
Página Cinco
UOL Música
Página Cinco
do UOL
UOL Jogos
EFE
Página Cinco
AFP
Página Cinco
do UOL
UOL Jogos
EFE
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
AFP
Página Cinco
EFE
AFP
BBC
Página Cinco
UOL Jogos
UOL Jogos
Página Cinco
AFP
Página Cinco
do UOL
Topo