PUBLICIDADE
Topo

Artista mostra o 'céu e o inferno' em luzes de neon

Bracey aprendeu a criar e fabricar luminosos de neon com seu pai, que fornecia os letreiros para parques de diversão e fliperamas - BBC
Bracey aprendeu a criar e fabricar luminosos de neon com seu pai, que fornecia os letreiros para parques de diversão e fliperamas Imagem: BBC

18/04/2013 08h54

O artista britânico Chris Bracey começou a trabalhar com luzes de neon de maneira curiosa.

Sua arte nasceu nos anos 70, quando ele criou seus primeiros letreiros em luzes de neon para estabelecimentos comerciais. Foi no Soho, área boêmia no centro de Londres, que ele encontrou seus primeiros clientes: sex shops e clubes de striptease.

Foi nessa época que Bracey criou o lendário letreiro de neon “GIRLS GIRLS GIRLS”, afixado na fachada do clube The Pink Pussycat Club.

Bracey também já teve seus trabalhos utilizados no cinema. O filme "De Olhos Bem Fechados", de Stanley Kubrick, ganhou uma atmosfera mais sensual com suas luzes de neon.

Ele também participou da confecção dos cenários de "A Fantástica Fábrica de Chocolates", de Tim Burton.

Chris Bracey ainda entrou no mercado da moda quando criou cenários em luzes de neon para ensaios fotográficos da revista "Vogue".