Entretenimento

Fotógrafa retrata vida pelos olhos de crianças "sem medo de dizer o que pensam"

Judy Gelles
"Sou hindu brâman. Moro com minha mãe, pai, tia e primo. Minha mãe é assistente de laboratório e meu pai é técnico. Minha tia cozinha para gente. Eu divido nosso computador com meu irmão e meu primo. Sou a mais nova, então eu posso usá-lo três vezes por semana. Meu desejo é ajudar os mais pobres. Quero ser uma engenheira de software", aluna de uma escola onde se fala inglês (Índia) Imagem: Judy Gelles

Mariana Della Barba

Da BBC Brasil em São Paulo

04/10/2012 08h20

Um menino tem medo de que a família seja deportada e ele fique sozinho. Uma garota diz ter medo de assalto. Outra garante não ter medo de nada. Enquanto o sonho de um era ajudar os pobres, o de outra era ganhar um iPad. Cada um deles estuda em uma escola ou até vive um país diferente. Todos têm 9 anos e foram entrevistados pela fotógrafa americana Judy Gelles para seu projeto "The Fourth Grade" ("A Quarta Série").
"Alunos dessa idade costumam ser brutalmente honestos e falam sobre tudo sem rodeios", disse Judy à BBC Brasil.

A fotógrafa, que também é formada em psicologia, conta que durante quatro anos visitou várias escolas nos Estados Unidos, na China e na Índia. As crianças são fotografadas de costas, olhando para a porta da sua escola. A ideia da artista é enfatizar o que foi dito pelos alunos, preservando o seu anonimato.


Uma das coisas que mais a surpreendeu foi ver alunos chineses orgulhosos de limparem suas classes após a aula. Também ficou surpresa ao ver que os indianos continuavam concentrados em seus estudos mesmo sem a presença de um professor.

"Você pode aprender muito sobre uma determinada cultura conversando com uma criança de 9 anos", diz.

Judy conta que gostaria de levar seu projeto para um país com tanta diversidade como o Brasil. "O que eu acho que os alunos brasileiros diriam? Bem, em geral, a maioria das crianças, de qualquer parte do mundo, quer viver com os pais e se sentir segura. Mas seus medos e sonhos podem ser extremamente diferentes, dependendo da cultura e da situação econômica."

Para a fotógrafa, o quarto ano escolar é um momento decisivo na vida das crianças, pois elas estão no limiar da adolescência e já pensam de maneira crítica. "É o ponto onde começam a decidir o caminho que vão seguir. Alguns seguem estudando, enquanto outros optam pela delinquência ou por outros rumos perigosos."

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo