Entretenimento

FBI investigou escritor Ray Bradbury por suspeitas de simpatizar com o comunismo

AP Photo/Stefano Paltera
O autor Ray Bradbury em imagem tirada durante seu aniversário de 83 anos, em Pasadena, Califórnia (23/8/2003) Imagem: AP Photo/Stefano Paltera

Do UOL, em São Paulo

30/08/2012 20h17

Documentos divulgados recentemente pelo Ato de Liberdade de Informação revelaram que o FBI investigou o escritor Ray Bradbury por supostas tendências comunistas nos anos 1950 e 1960.

Um informante alertou os agentes que o autor de “Fahrenheit 451”, que morreu no dia 5 de junho deste ano, escrevia histórias “definitivamente contrárias” ao capitalismo. O informante ainda disse que a ficção científica em si poderia assustar os leitores a ponto de que entrassem em um estado de “incompetência próxima à histeria” que deixaria os EUA vulneráveis em caso de uma terceira guerra mundial.

O FBI tomou nota da oposição de Bradbury ao senador Joe McCarthy e outros políticos anticomunistas, além de seu apoio a grupos de direitos civis. Mas foi concluído que ele nunca foi ao partido comunista e que entrevistá-lo era desnecessário, já que ele não tinha potencial de se tornar um informante.

Trajetória

Bradbury nasceu em 22 de agosto de 1920, em Waukegan (Illinois, norte dos Estados Unidos). Batizado Raymond Douglas Bradbury descobriu a literatura aos 7 anos de idade com Edgar Allan Poe. Filho de filho de um pai engenheiro e mãe de ascendência sueca, tinha 14 anos quando seus pais se mudaram para Los Angeles. Sofreu um derrame cerebral em 1999, mas conseguiu retomar seu trabalho alguns anos depois.

"A grande diversão na minha vida foi levantar a cada manhã e correr para a máquina de escrever porque alguma nova ideia havia me ocorrido", declarou Bradbury em 2000. "A sensação que tenho a cada dia é, em grande medida, a mesma que quando tinha 12 anos", disse ao celebrar 80 anos. A fama internacional veio a partir da publicação em 1950 de "Crônicas", um livro elaborado a partir de vários contos curtos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo