Topo

Entretenimento


Encarregado da Libra diz que moeda do Facebook não será controlada por uma só empresa

20/10/2019 15h41

Washington, 20 Out 2019 (AFP) - O sistema de pagamento da Libra, a moeda virtual do Facebook, não será controlado por uma única empresa, informou neste domingo em Washington o líder do projeto de criptomoeda da rede social, David Marcus, buscando diminuir os qustionamentos em torno do projeto.

"Para nós, está muito claro desde o início que um sistema de pagamentos como o da Libra não deve ser controlado por uma única empresa", disse o executivo durante uma conferência organizada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento.

Marcus se mostrou aberto a Libra estar associada a moedas estáveis, como o dólar e o euro, "em vez de ter uma unidade sintética de cestas de moedas".

A Libra Association, criada para lançar a criptomoeda, foi apresentada na segunda-feira passada em Genebra, com pesos pesados como Uber, Spotify e Vodafone, mas sua estreia foi marcada pelas ausências de importantes aliados das finanças, como Visa, Mastercard, Ebay ou PayPal.

"Quero reiterar nosso firme compromisso de estar em conformidade com os requisitos dos regulamentos" antes que o sistema descentralizado de blockchain Libra entre em vigor, disse Marcus.

Destacou que a plataforma do sistema é de código aberto, que os responsáveis pelo lançamento do sistema não são "dogmáticos" e que "a privacidade é essencial".

As criptomoedas estiveram entre os temas abordados na reunião anual do Fundo Monetário Internacional e do Banco Mundial nesta semana em Washington.

O ministro francês das Finanças, Bruno Le Maire, advertiu que a Libra "não é bem-vinda no território europeu".

O G7, grupo dos sete países mais industrializados (Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Reino Unido, Itália e Japão), acordou na quinta-feira passada em Washington que a condição básica para o lançamento de criptomoedas estáveis é o estabelecimento de uma estrutura legal estável.

an/yow/lca/cc

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Entretenimento