PUBLICIDADE
Topo

Chapéu de Indiana Jones é arrematado por R$ 2,1 milhões

Cena de "Indiana Jones e Os Caçadores da Arca Perdida", de Steven Spielberg - Reprodução
Cena de "Indiana Jones e Os Caçadores da Arca Perdida", de Steven Spielberg Imagem: Reprodução

De Londres (Reino Unido)

20/09/2018 18h59

O mítico chapéu de Indiana Jones foi vendido por cerca de 393.600 libras (cerca de R$ 2,1 milhões) em um grande leilão de objetos de cinema, nesta quinta (20), em Londres, onde a jaqueta de Han Solo não conseguiu ser arrematada.

Mais de 600 objetos e peças de roupa de obras de cinema e televisão, entre os quais destaca-se o hoverboard (skate voador) usado por Marty McFly em "De Volta para o Futuro 2", foram leiloados em um evento organizado pelo grupo Prop Store nos espaços do British Film Institute (BFI).

Entre os objetos mais aguardados estava o chapéu de feltro de Indiana Jones que o ator Harrison Ford usou no primeiro filme da série, "Os Caçadores da Arca Perdida". A peça é assinada por Harrison Ford na parte interna.

O chicote usado em "Indiana Jones e o templo da perdição", por sua vez, foi vendido por 45 mil libras (R$ 243,4 mil), segundo o site do leilão.

A peça central do evento era a jaqueta usada por Han Solo, também vivido por Harrison Ford, no Episódio 5 de "Star Wars", "O Império Contra-ataca".

Jaqueta usada em "Indiana Jones" - Neil Hall/European Pressphoto Agency/Shutterstock - Neil Hall/European Pressphoto Agency/Shutterstock
Jaqueta usada em "Indiana Jones"
Imagem: Neil Hall/European Pressphoto Agency/Shutterstock


Os organizadores esperavam que este objeto fosse arremato entre meio milhão e um milhão de libras, convertendo-se no lote mais caro da venda. No entanto, a peça não foi vendida porque não alcançou a quantia mínima marcada.

"Não alcançou o preço mínimo de venda, mas já tivemos vários compradores interessados após o fim do leilão", que podia ser acompanhado no local ou pela Internet, assinalou uma porta-voz do Prop Store.

"O preço mínimo da jaqueta de Han Solo foi fixado com base em outras vendas comparáveis de recordações de Star Wars, a raridade do objeto, a popularidade do filme e como a peça foi usada na filmagem", detalhou.

Tratava-se de uma peça de roupa relativamente simples, explicou anteriormente Brandon Alinger, diretor do Prop Store, lembrando que o criador da saga, o americano George Lucas, queria uma vestimenta funcional ao invés de trajes chamativos que distraíssem a atenção.

Outros dos objetos leiloados incluem o roupão usado por Tyler Durden personagem interpretado por Brad Pitt em "Clube da Luta", uma barra de chocolate Wonka usada em "A Fantástica Fábrica de Chocolate", e o traje usado por Johnny Depp em "Edward Mãos de Tesoura".