PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Cantora Lana Del Rey cancela show em Israel

31/08/2018 18h16

Jerusalém, 31 Ago 2018 (AFP) - A cantora americana Lana Del Rey anunciou nesta sexta-feira (31) o cancelamento de um show previsto em Israel, argumentando que não havia tido tempo de organizar outro show no mesmo momento na "Palestina".

O comparecimento da cantora a Israel ensejou uma campanha pró-palestina para o cancelamento de sua apresentação.

"Para mim é importante cantar na Palestina e em Israel e tratar todos os meus fãs da mesma maneira", declarou em sua conta do Twitter a artista de 33 anos.

"Infelizmente, não foi possível ajustar as duas visitas por falta de tempo e, por isso, adio a minha apresentação no Meteor Festival até o momento em que puder planejar visitar meus fãs israelenses e palestinos ao mesmo tempo", acrescentou.

Em um primeiro momento, a cantora havia indicado que participaria do festival, que acontecerá em setembro no norte de Israel.

"A música é universal e deveria ser usada para unir as pessoas", disse a cantora no Twitter em 19 de agosto.

Em reação ao cancelamento do show, o Meteor Festival respondeu de forma irônica: "Apreciamos de verdade a forma como (Lana Del Rey) utilizou o Meteor para atrair a atenção da imprensa".

Uma petição do movimento BDS (Boicote, Desinvestimento, Sanções), que luta contra a ocupação dos Territórios Palestinos, havia pedido à cantora que cancelasse o seu show em Israel, afirmando que sua música iria servir para esconder "as flagrantes violações de direitos humanos" israelenses.

A petição somou mais de 14.500 assinaturas.

O BDS diz ao mundo que suas pressões provocam o cancelamento de shows de artistas estrangeiros em Israel.

Artistas como Lauryn Hill e Elvis Costello se retrataram no passado por sua decisão de se apresentar neste país.

Entretenimento