Topo

Entretenimento


Homem é detido em Paris após vídeo de agressão a mulher viralizar

28/08/2018 12h15

Paris, 28 Ago 2018 (AFP) - Um homem suspeito de ter agredido uma mulher em uma rua de Paris, em julho passado, foi detido na segunda-feira à noite.

A vítima gravou um vídeo da agressão, que se espalhou nas redes sociais.

Detido na saída de um hospital psiquiátrico, o indivíduo "corresponde à descrição do suspeito", indicou uma fonte policial, acrescentando que a vítima ainda deve identificá-lo.

Marie Laguerre, de 22 anos, denunciou em 25 de julho, no Facebook, como um homem a abordou com "ruídos/comentários/assobios/movimentos de língua sujos de uma forma humilhante e provocadora".

"Eu não tolero este tipo de comportamento. Não posso ficar calada, e nós não podemos mais nos calar", escreveu.

O homem, então, jogou-lhe um cinzeiro, seguiu-a e "a agrediu na cara no meio da rua, à luz do dia, diante de dezenas de testemunhas".

A publicação está acompanhada de toda a cena filmada por uma câmera de vigilância do bar que fica em frente ao lugar onde a agressão aconteceu.

O vídeo viralizou, e Laguerre foi entrevistada por vários jornais franceses e da imprensa internacional.

Com o apoio de militantes feministas, lançou a plataforma on-line "Nous Toutes Harcèlement" para que outras mulheres possam dar seu depoimento, se forem assediadas, ou agredidas nas ruas.

No início do mês, o Parlamento francês votou uma lei contra a violência contra as mulheres, instaurando o crime de "ultraje sexista" por assédio nas ruas, passível de pesada multa.

bl-grd/jt/app/mb/tt

Mais Entretenimento