Topo

Entretenimento

UE autoriza oferta da Comcast pelo grupo de televisão Sky

15/06/2018 13h17

Bruxelas, 15 Jun 2018 (AFP) - A Comissão Europeia autorizou nesta sexta-feira (15) a oferta do conglomerado americano de serviços a cabo Comcast para adquirir, por 22 bilhões de libras, o grupo de televisão britânico Sky, ao considerar que a operação não vai gerar problemas de concorrência na Europa.

Bruxelas dá assim sua autorização à segunda oferta do grupo britânico, a primeira operadora de TV paga na Alemanha, Irlanda e Reino Unido, depois de aprovar, em 7 de abril de 2017, a proposta do grupo Fox, propriedade do magnata australiano Rupert Murdoch.

A Comcast apresentou, em abril, um oferta formal pela Sky de 12,50 libras por ação, superior à que a Fox tinha feito 15 meses antes, de 10,75 libras por ação, para assumir 61% do capital que não controla.

Para o Executivo comunitário, a Sky e a Comcast - proprietária do estúdio de cinema americano Universal Pictures - concorrem atualmente "apenas em uma parte limitada de suas atividades, principalmente na aquisição de conteúdos televisivos".

"A aquisição proposta permitiria apenas um aumento das cotas de mercado atuais da Sky nos mercados de aquisição de conteúdos televisivos, assim como no mercado de fornecimento para a maioria dos canais de televisão", afirma o comunicado.

No começo do mês, o governo britânico deu vantagem à Comcast sobre a Fox na disputa pela Sky, ao impor à segunda uma condição draconiana para aprovar a operação de consolidação no mercado mundial de operadores de TV a cabo.

A condição foi a venda, pela Fox, do canal de notícias Sky News, para não prejudicar a pluralidade informativa de seu país, visto que a família Murdoch já possui outros veículos no Reino Unido - os jornais "The Times" e "The Sun".

Mais Entretenimento