Topo

Música

Novo álbum do Arctic Monkeys agrada crítica e confunde fãs

Reprodução
A banda britânica Arctic Monkeys Imagem: Reprodução

Londres (Reino Unido)

11/05/2018 13h24

O novo álbum da banda britânica Arctic Monkeys, o primeiro em cinco anos, foi recebido com elogios pela crítica, que saudou seu estilo arriscado, mas desagradou a parte de seus fãs por ser pouco roqueiro.

"Tranquility Base Hotel & Casino", sexto disco do grupo de Sheffield (norte da Inglaterra), conhecido no passado por seu estilo enérgico, foi lançado nesta sexta-feira (11).

"É voluntariamente não comercial, mas este disco estranhamento sedutor, surrealista, é uma amostra do assombroso talento lírico de Alex Turner", concluiu o jornal "The Times", fazendo alusão ao cantor e líder da banda, que trocou a guitarra pelo piano para este álbum.



A revista musical britânica NME falou do momento "Pet Sounds" do Arctic Monkeys, comparando-o ao disco de 1966 dos Beach Boys, que marcou a mudança de estilo da lendária banda californiana.

"O disco se parece um pouco com olhar o céu à noite. No início é completamente espantoso (...) Mas quando as constelações se mostram, você se dá conta de que é produto de um desenho ardentemente inteligente", escreveu a NME.

Para o jornal digital The Independent, o "Arctic Monkeys está a anos-luz" de seu estilo de antes, "e isso é bom", concluiu.

Os fãs foram surpreendidos, porém, pelo novo estilo atmosférico e zombaram de algumas letras, em particular da frase "Good Morning... Cheeseburger", ouvida na música "She Looks Like Fun".

"Estou me esforçando muito para gostar", lamentava no Twitter o usuário Haziq Hamzah.

"O Arctic  Monkeys demorou cinco anos para lançar um álbum de tributo a David Bowie", ironizava outra fã.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!