PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

'Zama', de Lucrecia Martel, vence festival Cinelatino de Toulouse

24/03/2018 16h51

Toulouse, França, 24 Mar 2018 (AFP) - O filme de época "Zama", da consagrada diretora argentina Lucrecia Martel, recebeu neste sábado (24) o principal prêmio do festival Cinelatino de Toulouse.

O público escolheu premiar dois filmes ambientados em Cuba durante o Período Especial.

O longa de Martel, escolhido pela Argentina para representar o país no Oscar e indicado aos prêmios Goya da Espanha, conquistou o júri, integrado entre outros pela convidada de honra da 30ª edição do festival, a atriz chilena Paulina García.

Baseado no romance homônimo do escritor argentino Antonio Di Benedetto, "Zama" propõe uma viagem cuidadosamente estética e sonora à América colonial do fim do século XVIII.

Martel recebeu o prêmio Coral de melhor direção do festival de Havana por este filme, coproduzido pelo cineasta espanhol Pedro Almodóvar.

O júri ainda dedicou uma menção honrosa ao filme porto-riquenho "O silêncio do vento", de Álvaro Aponte-Centeno.

O prêmio do público deste festival de cinema latino-americano foi para dois filmes ambientados em Cuba: "Candelaria", do colombiano Jhonny Hendrix, e "Sergio & Serguéi", do cubano Ernesto Daranas.

"Candelaria" retrata com ternura e senso de humor a história de um casal de idosos, Candelaria e Víctor Hugo, que enfrentam a fome durante o Período Especial cubano.

Já "Sergio & Serguéi", recompensado com o prêmio do público no festival de Havana, é uma fábula em que um locutor de rádio cubano se aproxima de um astronauta russo abandonado à própria sorte no espaço.

Entretenimento