Topo

Entretenimento

Riccardo Tisci, ex-Givenchy, é nomeado diretor artístico da Burberry

01/03/2018 15h49

Londres, 1 Mar 2018 (AFP) - O italiano Riccardo Tisci, ex-diretor artístico da Givenchy, foi eleito para o mesmo cargo na Burberry em substituição a Christopher Bailey, anunciou a grife britânica.

Tisci, de 43 anos, cuja nomeação entrará em vigor em 12 de março, estará comandando todas as coleções da Burberry. O primeiro desfile dirigido por ele acontecerá em setembro, afirmou a Burberry em comunicado.

O estilista foi diretor artístico da Givenchy de 2005 a 2017, substituído pela britânica Clare Waight Keller. Formado pela escola de moda londrina Central Saint Martins, revitalizou a marca francesa e colaborou com uma coleção de roupas esportivas da Nike.

Marco Gobbetti, CEO da Burberry, comemorou a chegada de "um dos estilistas mais talentosos de nosso tempo".

Gobbetti elogiou a elegância contemporânea de suas criações e "seu talento, que mescla o 'streetwear' e a alta costura de luxo atual". Segundo o CEO, "a visão criativa de Riccardo reforça nossa ambição para a Burberry e posicionará efetivamente a marca no luxo".

Riccardo Tisci afirmou ter "um enorme respeito pelo legado britânico da Burberry e sua veia global". Disse ainda estar "muito emocionado pelo potencial que essa marca excepcional oferece".

Christopher Bailey, de 46 anos, apresentou em fevereiro sua última coleção para a marca britânica. Nos últimos anos, rejuvenesceu a imagem da marca explorando novos tecidos e paletas de cores, além de reinventar a gabardina, emblema da Burberry.

Mais Entretenimento