Topo

Entretenimento

Comcast supera Murdoch com oferta de £ 22 bilhões pela Sky

27/02/2018 15h43

Londres, 27 Fev 2018 (AFP) - O conglomerado americano Comcast anunciou nesta terça-feira (27) uma Oferta Pública de Adquisição (OPA) sobre o grupo de televisão britânico Sky por 22 bilhões de libras (31 bilhões de dólares), que supera a proposta do magnata australiano Rupert Murdoch.

A Comcast, proprietária da NBCUniversal, propõe 12,5 libras por ação, 11% a mais que a cotação de segunda-feira na Bolsa de Londres, que era de £ 11,05.

O grupo americano Fox, da família Murdoch, apresentou proposta de 10,75 libras por ação para adquirir os 61% da empresa que ainda não possui.

A agência britânica de concorrência havia considerado que a compra da Sky pela Fox "não era do interesse do público" e expressou o temor de que prejudicasse a "pluralidade dos meios de comunicação" porque a família Murdoch é proprietária, por meio da News Corp, de dois jornais de grande tiragem, The Times e The Sun.

Em um comunicado, a Comcast afirmou que a aquisição da Sky "é uma oportunidade estratégica comprar um líder da produção e difusão de conteúdos nos Reino Unido e na Europa".

Pouco depois do anúncio da oferta, as ações da Sky registravam alta de 20%.

A Sky reagiu divulgando um breve comunicado no qual aconselhava seus acionistas a "não faz nada", porque a oferta não foi formalmente apresentada pela Comcast.

A empresa americana informou que seu objetivo é adquirir a totalidade da Sky e que vai tentar concretizar a meta se conseguir 50% da empresa "mais uma ação".

"Já dispomos de uma forte presença em Londres. A Comcast tem a intenção de usar a Sky como plataforma para nosso crescimento na Europa", afirma em um comunicado Brian L. Roberts, presidente da Comcast.

"Queremos desenvolver as atividades da Sky e acreditamos que existem importantes possibilidades de crescimento combinando estas empresas", completou.

A Comcast explicou que a estratégia para manter uma forte presença no Reino Unido passa por seus "investimentos nas indústrias criativas, mantendo as normas e a imparcialidade da informação" do grupo Sky.

Além do canal de notícias Sky News, o grupo Sky está muito presente no esporte e tem maior parte dos direitos de transmissão da Premier League inglesa de futebol.

A Sky ainda precisa responder formalmente à oferta. Analistas não descartam um contra-ataque de Murdoch, com uma oferta superior.

"A Sky é um troféu precioso para Murdoch, assim ele poderia iniciar uma disputa de ofertas", afirmou Jasper Lawler, analista do London Capital Group.

Para aumentar a incerteza sobre o futuro da Sky, a Disney anunciou em dezembro uma oferta de 52,4 bilhões de dólares para comprar a 21st Century Fox. Se a dívida for incluída, a operação chega a US$ 66,1 bilhões.

E a Comcast, que em dezembro abandonou a ideia de adquirir a 21st Century Fox, está considerando retornar à disputa, segundo o Wall Street Journal.

"Acreditamos que a Sky é uma empresa estupenda. Tem 23 milhões de clientes, posição de liderança no Reino Unido, Itália e Alemanha, e é consistentemente inovadora no uso da tecnologia para proporcionar a seus clientes uma grande experiência", afirmou o presidente da Comcast.

Brian L. Roberts aproveitou para fazer um agrado ao Reino Unido em pleno processo de saída da União Europeia ao considerar que o país "é e será um grande lugar para fazer negócios".

bcp-apz/al-erl.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento