Topo

Entretenimento

Semana de Moda de Londres marca despedida de Christopher Bailey da Burberry

16/02/2018 17h06

Londres, 16 Fev 2018 (AFP) - A icônica marca britânica Burberry e a Semana de Moda de Londres viram uma página. O bem sucedido estilista Christopher Bailey apresentará neste sábado sua última coleção para uma grife que soube se transformar em um gigante mundial do luxo.

Os desfiles da Burberry são os mais concorridos do evento de moda britânica, que começa nessa sexta-feira, principalmente pela quantidade de estrelas na plateia, os recursos faraônicos, a música ao vivo e o exército de modelos que mostram as propostas. E o último desfile da marca no comando desse estilista se anuncia como um grande acontecimento.

Christopher Bailey vai se despedir aos 46 anos de todos os fãs da lendária estampa xadrez escocesa em bege, preto e vermelho.

Originário de Halifax, no norte da Inglaterra, estudou no famoso Royal College of Art de Londres e chegou à marca Burberry em 2001, depois dos primeiros trabalhos nas marcas Donna Karan e Gucci.

- Talento com rendas -Designado diretor criativo em 2004, ocupou também o cargo de diretor-geral em 2014, quando sua antecessora Angela Ahrendts foi trabalhar para a Apple.

Bailey, duas vezes premiado como melhor estilista do ano no Reino Unido por seu trabalho durante 17 anos na marca, permitiu à Burberry dar um salto para o século XXI e as novas tecnologias.

Não falta talento ao estilista. Foi um dos primeiros a integrar as redes sociais aos seus desfiles, a misturar coleções masculinas e femininas e a adotar o "veja agora, compre agora" (compra imediata), sempre rodeado pelas musas do momento: Kate Moss, Emma Watson e Cara Delevingne.

Nos últimos anos, rejuvenesceu a imagem da marca com a exploração de novos materiais e paleta de cores, reinventando a gabardina, emblema da Burberry, realçando com rendas.

"Sob sua liderança, a empresa que já foi conhecida apenas como uma simplória fabricante de casacos e trench-coats impermeáveis em xadrez, explorou e acabou se transformando em um vasto império", diz a revista Vogue.

Por seu trabalho de arte na Burberry, fundada em 1856 e lenda da moda britânica, que emprega 10.000 pessoas em todo o mundo, Bailey ficou conhecido como "criador incrível" e "genial".

"Desempenhou um papel importante na indústria britânica da moda ao colocar a inovação no coração da Burberry", diz Caroline Rush, diretora executiva do British Fashion Council (Conselho Britânico de Moda), que organiza a Semana de Moda.

Apesar de todos os elogios, sua posse como gerente-geral do grupo, em 2014, chamou a atenção dos analistas, devido a sua falta de experiência em uma empresa desse porte e que tem ações na bolsa de valores.

O estilista, conhecido por suas boas maneiras e apelidado de "Mr Nice Guy", cumpriu essas duas funções conjuntas por apenas três anos. Em 2017, em um contexto econômico delicado, cedeu o comando da empresa para o ex-presidente da Céline Marco Gobbetti.

Gobetti anunciou um fortalecimento da Burberry em seu posicionamento no setor "de luxo", mas se absteve de anunciar quem vai substituir Bailey como diretor criativo.

Na imprensa especializada, o nome da britânica Phoebe Philo (ex-Céline) está entre as primeiras apostas.

Christopher Bailey estará presente até o final do ano na Burberry, para facilitar a transição, antes de se voltar para "novos projetos" sobre os quais não antecipou detalhes.

- Desertora de Nova York -Além dessa despedida, a Semana de Moda de Londres vai mostrar coleções femininas de outono-inverno 2018-19, além de outros 80 desfiles em várias partes da capital britânica.

Também no sábado, Jonathan Anderson, diretor artístico da marca de couro de luxo da Loewe, apresentará sua própria marca, J.W. Anderson.

Esse jovem estilista, considerado um dos melhores de sua geração, vai apresentar dois desfiles por ano ao invés de quatro, anunciou a marca em entrevista à AFP.

O objetivo é "reduzir a brecha tradicional entre o período de desfiles e a disponibilidade de peças para venda", um novo exemplo de reorganização estratégica que atinge o setor da moda.

Segundo os especialistas, outro momento imperdível é o desfile, no domingo, da coleção da marca espanhola Delpozo, desertora da Semana de Moda de Nova York e considerada uma promessa de elegância e poesia.

eg/oaa/pb/acc/cr/cb

BURBERRY GROUP

APPLE INC.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento