Topo

Entretenimento

Tiroteio em Fortaleza deixa 14 mortos

27/01/2018 18h28

Rio de Janeiro, 27 Jan 2018 (AFP) - Um tiroteio em uma boate em Fortaleza, no Nordeste do Brasil, deixou pelo menos 14 mortos neste sábado, disseram autoridades.

"Podemos confirmar 14 mortos, sabendo que algumas pessoas ainda estão em estado grave no hospital", disse André Costa, secretário de segurança do estado do Ceará, em entrevista coletiva na qual não informou o número de feridos.

Destas 14 vítimas, sete foram identificadas pelas autoridades: três homens, duas mulheres e dois adolescentes. O jornal local O Povo disse que oito mulheres e seis homens foram mortos.

A Polícia já prendeu o supeito de ser o responsável pelo tiroteio, de acordo com uma declaração do Ministério da Segurança Pública e da Defesa Social.

Um porta-voz do Instituto José Frota, o principal hospital da cidade, disse à AFP que seis pessoas foram internadas na emergência, incluindo um menino de 12 anos, e que 10 pessoas com ferimentos menos graves estão em outros centros de saúde.

De acordo com o site do jornal regional Diário do Nordeste, que cita uma fonte policial anônima, a hipótese é que o ataque tenha sido um acerto de contas entre traficantes, especificamente entre uma facção local, a Guardiões do Estado e Comando Vermelho, originalmente do Rio e com filiais em todo o país.

O tiroteio ocorreu por volta das 1h30 da manhã, quando um grupo de homens fortemente armados chegou a bordo de três veículos e entrou na boate Forró do Gago, no bairro de Cajazeiras, no centro de Fortaleza.

Ao meio dia, o sentimento de insegurança ainda era visível, com as ruas do bairro totalmente desertas e os cidadãos confinados em suas casas, constatou um fotógrafo da AFP.

O local da tragédia foi completamente isolado pela polícia.

Embora tenha reconhecido que este é o ataque mais violento já registrado no estado, a Secretária assegurou que o governo estadual "não perdeu o controle" em termos de segurança e disse que este foi um "caso pontual".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento