Entretenimento

Weinstein contrata famoso advogado Benjamin Brafman

08/11/2017 22h04

Nova York, 9 Nov 2017 (AFP) - Harvey Weinstein contratou um dos advogados de defesa mais famosos dos Estados Unidos para que o represente em Nova York, disse nesta quarta-feira (8) um porta-voz do produtor, enquanto se informa que procuradores de Manhattan preparam um caso contra ele.

Que Weinstein agregue Benjamin Brafman em sua equipe legal é um claro sinal de que o produtor caído em desgraça teme que se apresentem acusações criminais em Manhattan por suspeita de estupro.

Entre os clientes anteriores de Brafman estão o rapper Sean Combs, o ex-diretor do FMI Dominique Strauss-Kahn, o empresário farmacêutico Martin Shkreli e Michael Jackson.

O escritório de Brafman, contatado pela AFP, não fez comentários de imediato.

A imprensa americana noticiou na terça-feira que o procurador do distrito de Manhattan estava preparando uma ação penal contra Weinstein. A Polícia de Nova York confirma uma acusação de estupro confiável contra ele e disse que está reunindo provas para uma possível ordem de prisão.

"Não acreditamos que uma acusação contra Weinstein seja iminente", disse seu porta-voz nesta quarta-feira em um comunicado.

"Será feita uma apresentação formal em nome do senhor Weinstein no curso da investigação e acreditamos firmemente que demonstraremos que não se justificam acusações criminais", acrescentou.

O gabinete do promotor do distrito se negou a fazer comentários.

A atriz de "Boardwalk Empire", Paz de la Huerta, acusou publicamente Weinstein de violentá-la duas vezes em seu apartamento de Nova York no final de 2010. Segundo a Polícia de Nova York, sua narrativa é "confiável e detalhada".

Cerca de 100 mulheres acusaram Weinstein de conduta sexual inapropriada desde que se publicou uma denúncia do New York Times no começo de outubro, com acusações que vão de assédio até estupro. Weinstein negou qualquer relação não consentida.

A The New Yorker referiu-se a Brafman como "o último dos grandes advogados de defesa".

tu-jm/mdo/gv/cd/mvv

THE NEW YORK TIMES COMPANY
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo