Entretenimento

Forbes: secretário de Comércio dos EUA é muito menos rico do que diz

07/11/2017 21h22

Washington, 7 Nov 2017 (AFP) - O secretário de Comércio americano, Wilbur Ross exagerou muito sobre sua fortuna pessoal, que na verdade sequer se aproxima de 1 bilhão de dólares, segundo a revista Forbes.

O informe da Forbes acusou Ross, nesta terça-feira, de desonestidade reiterada. Há um ano, a Forbes incluiu Ross entre os americanos mais ricos, avaliando sua fortuna em 2,9 bilhões de dólares.

Depois de examinar sua declaração de renda como parte de seu processo de confirmação para o cargo de secretário de Comércio neste ano, a Forbes estimou a riqueza de Ross em menos de 700 milhões de dólares.

Depois de investigar durante um mês, a Forbes descobriu que cerca de 2 bilhões de dólares que Ross dizia estarem depositados em um trust familiar nunca existiram. Ele havia dito que não era obrigado a mencionar em sua declaração fundos mantidos no trust.

"Parece óbvio que Ross mentiu para nós, em uma aparente sequência de exageros, omissões, elucubrações que se prolongaram com a Forbes desde 2004", admite a revista de negócios.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo