Entretenimento

Escritor americano George Saunders ganha prêmio Man Booker 2017

17/10/2017 21h02

Londres, 17 Out 2017 (AFP) - O americano George Saunders venceu o Man Booker 2017, prêmio literário mais prestigiado na língua inglesa, por "Lincoln in the Bardo", um romance "profundamente original", anunciou o júri nesta terça-feira em Londres.

Saunders, um texano de 58 anos famoso por seus romances curtos e pelos artigos que escreve para revistas, superou outros cinco finalistas com a sua primeira história de formato clássico na qual se misturam relatos de centenas de narradores para contar a morte do filho de Abraham Lincoln, Willie, aos 11 anos.

"A forma e o estilo deste romance profundamente original dão lugar a um relato espiritual, inteligente, extremamente comovente", comentou Lola Young, presidente do júri.

Saunders, escritor cujas histórias curtas não foram traduzidas para muitos idiomas, é professor na Universidade de Siracusa, cidade do centro do estado de Nova York.

O prêmio Man Booker, criado em 1969, estava reservado aos escritores dos Estados da Commonwealth até 2014, quando ampliou a sua seleção para todos os escritores de países que falam inglês.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo