Topo

Entretenimento

Rapper Nelly é preso nos EUA acusado de estupro

07/10/2017 20h57

Los Angeles, 7 Out 2017 (AFP) - O rapper americano Nelly foi detido por estupro neste sábado (7), no estado de Washington, uma acusação classificada por seu advogado como "completamente inventada".

Pouco antes das 4h locais (8h, horário de Brasília), a Polícia de Auburn - cidade na periferia de Seattle - recebeu o chamado de uma mulher que disse ter sido violentada pelo músico, segundo um comunicado.

A Polícia se apresentou no ônibus usado por Nelly em sua turnê, onde a agressão sexual teria acontecido.

Depois das primeiras investigações, a Polícia prendeu o rapper, detido de forma preventiva em uma instituição penitenciária de Des Moines, localidade muito próxima de Auburn.

"Nelly é vítima de acusações totalmente inventadas", disse à AFP seu advogado, Scott Rosenblum.

"Nossa investigação inicial estabelece claramente que essas acusações não têm credibilidade alguma e estão motivadas pela ganância e pelo rancor" da mulher, de acordo com uma declaração por escrito.

Nelly considera a possibilidade de processar a mulher, disse Rosenblum.

Nascido há 42 anos em Austin (Texas), o rapper passou sua juventude em St. Louis, no Missouri. Seus três primeiros álbuns, editados entre 2000 e 2004, foram número um em vendas nos Estados Unidos.

Mais Entretenimento