Entretenimento

Compra da Yahoo! pela Verizon é concluída e sua presidente renuncia

13/06/2017 13h49

San Francisco, 13 Jun 2017 (AFP) - A compra da Yahoo! pela gigante americana das telecomunicações Verizon foi fechada nesta terça-feira, finalizando a aventura de um pioneiro da internet e provocando a demissão de sua emblemática presidente, Marissa Mayer.

Em dois comunicados separados, ambos os grupos anunciaram o fechamento da transação de mais de 4,5 bilhões de dólares, pela qual a Verizon se apodera do coração da Yahoo! (portal de internet, serviço de e-mail, entre outros) para juntá-lo com a AOL, formando uma nova empresa chamada Oath.

A operação leva à criação de outra entidade de investimentos, batizada de Altaba Inc. A empresa administrará as partes da Yahoo na chinesa de distribuição on-line Alibaba. A negociação do título será interrompida em 16 de junho e retomada no dia 19 de junho com o nome "AABA".

Como estava previsto, a presidente da Yahoo! Marissa Mayer apresentou sua demissão "por causa da mudança inerente" de seu papel depois do fim da transação, informou o comunicado da Verizon. O novo organograma realmente não lhe reservava qualquer função executiva.

Nomeada para a presidência da Yahoo! em 2012, Marissa Mayer teria fracassado em reerguer o grupo pioneiro de internet criado em 1994 e que nunca chegou a se recuperar da irrupção do Google.

A jovem presidente de 42 anos teria conseguido, entretanto, fechar a venda da Yahoo! e receberá um generoso cheque de saída de 186 milhões de dólares, segundo a imprensa americana.

O grupo teve que baixar seu preço de venda em cerca de 300 milhões de dólares depois de ter revelado recentemente que foi vítima de enormes ciberataques em 2013 e 2014, afetando 1,5 bilhão de contas de usuários.

Os dois grupos não informaram sobre possíveis fusões de postos, mas a imprensa americana estima que há aproximadamente 2.100 postos de trabalho ameaçados.

jt/lo/elc/lb/ja/cc

VERIZON COMMUNICATIONS

YAHOO!

ALIBABA GROUP HOLDING

AOL

GOOGLE
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo