Entretenimento

Começa show beneficente em Manchester com um minuto de silêncio

04/06/2017 17h03

Manchester, Reino Unido, 4 Jun 2017 (AFP) - O show beneficente em Manchester começou neste domingo com um minuto de silêncio, em homenagem às vítimas do atentado realizado ao final da apresentação de Ariana Grande há duas semanas, e apenas 24 horas depois de um novo ataque que deixou sete mortos em Londres.

O público, segurando cartazes onde se podia ler "Para nossos anjos", fez um minuto de silêncio antes de que Marcus Mumford, líder do grupo Mumford & Sons, iniciasse o espetáculo.

O show, intitulado "One love Manchester", é realizado no estádio de críquete de Old Trafford, quase duas semanas após o atentado ao final da apresentação da cantora americana Ariana Grande no Manchester Arena, que deixou 22 mortos, incluindo várias crianças, e 116 feridos.

O evento conta com a participação de vários artistas do pop, como Justin Bieber, Katy Perry, Coldplay, Robbie Williams, Pharrell Williams, Miley Cyrus, Take That, Usher, the Black Eyed Peas, Little Mix e Niall Horan, do One Direction.

Após o atentato de sábado na capital britânica, onde sete pessoas morreram atropeladas por uma van e esfaqueadas, o agente de Grande, Scooter Braun, disse que o show beneficente seria mantido, "com ainda mais motivos".

"Rezando por Londres", tuitou a cantora de 23 anos. "Não devemos ter medo e devemos prestar uma homenagem aos afetados, aqui e no mundo todo, juntaremos nossas vozes e cantaremos com força", afirmou.

Os lucros do evento serão doados para as famílias das vítimas.

As 35.000 entradas que foram colocadas à venda na quinta-feira por 40 libras ($51 dólares) foram vendidas em poucos minutos. Também havia 14.200 entradas grátis reservadas aos que estiveram no show de 22 de maio.

As autoridades esperam a presença de até 130.000 pessoas neste domingo na zona do show e tomaram medidas adicionais de segurança.

"Aumentamos nossos recursos, com um número importante de agentes da polícia da região de Manchester e colegas de outras forças, alguns dos quais irão armados", disse o superintendente Stuart Ellison.

O show é transmitido ao vivo pelo Twitter, Apple e YouTube, e também pela BBC e pela MTV.

jk-at/dt/pc.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo