Entretenimento

Pequim reforça controle sobre informações da internet

03/05/2017 08h22

Pequim, 3 Mai 2017 (AFP) - A China promulgou uma nova norma que reforça a influência do regime comunista sobre os fornecedores de informação pela internet, meses antes de um importante congresso do partido no poder, que será realizado no fim do ano.

A internet é muito controlada na China, onde o governo bloqueia as redes sociais estrangeiras, como Facebook e Twitter, e censura todos os conteúdos considerados politicamente sensíveis.

No entanto, uma nova norma publicada pela Administração Chinesa do Ciberespaço (ACC) endurecerá ainda mais o controle a partir de 1º de junho, anunciou nesta quarta-feira a agência China News.

Os sites, aplicativos, fóruns de discussão, blogs, microblogs, mídias sociais, mensagens instantâneas e plataformas de vídeo ao vivo ou outras entidades de seleção ou publicação de informações devem, a partir de então, obter uma autorização antes de divulgar conteúdos sobre o governo, a economia, o exército ou os problemas sociais, disse o ACC.

Estes fornecedores devem "guiar corretamente a opinião pública", "servir à causa do socialismo" e sempre "preservando os interesses da nação e do povo", declarou o órgão do Estado a poucos meses do Congresso Quinquenal do Partido Comunista Chinês, que deve conceder um novo mandato ao presidente Xi Jinping, que atualmente dirige o país.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo