Topo

Entretenimento

Rússia: acusação interferência nas eleições dos EUA é ridícula

12/10/2016 13h06

Moscou, 12 Out 2016 (AFP) - O chanceler russo Serguei Lavrov afirmou nesta quarta-feira que são ridículas as acusações de Washington de que a Rússia tenta interferir na campanha eleitoral americana.

"Tudo mundo nos Estados Unidos diz agora que é a Rússia que controla o debate presidencial", ironizou Lavrov durante uma entrevista à CNN.

"Claro que é elogioso receber este tipo de atenção de uma 'potência regional', como o presidente Obama nos recordou há um tempo [...] mas isso não se fundamenta em nada nos fatos. Não vimos sequer uma única prova que demonstre essas acusações", enfatizou.

Na semana passada, o governo americano acusou Moscou de se intrometer na campanha presidencial de Estados Unidos hackeando e-mails de pessoas e instituições americanas.

"Dizer que a Rússia interfere nos assuntos internos dos Estados Unidos é ridículo", concluiu.

O presidente russo Vladimir Putin também denunciou nesta quarta uma "histeria americana para manipular a opinião pública".

"A respeito das afirmações de que a Rússia exerce pressão contra outros países, quem disse isso?", perguntou ironicamente durante um fórum econômico de que participava.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento