Entretenimento

Fundador do Nouveau Roman, escritor francês Michel Butor morre aos 89 anos

UPI/AFP/Arquivo
O escritor francês Michel Butor, um dos fundadores do movimento Nouveau Roman Imagem: UPI/AFP/Arquivo

De Paris (França)

24/08/2016 19h10

O escritor francês Michel Butor, um dos fundadores do movimento literário Nouveau Roman, ao lado de Alain Robbe-Grillet e Claude Simon, morreu na nesta quarta-feira (24) comuna de Contamine-sur-Arve, aos 89 anos.

A morte de Butor, prêmio Renaudot 1957 pelo romance "La Modification", foi confirmada à agência France Press pela editora Gallimard.

Autor de outras obras como "Passage de Milan" (1954), "L'Emploi du temps" (1956) e "Degrés" (1960), Butor era um dos escritores vivos de língua francesa mais reconhecidos no mundo.

Um dos grandes legados é o da experimentação narrativa, muitas vezes fugindo do formato de romance e explorando outros gêneros literários, o que serviu de base para o Nouveau Roman.

Além de romances, também o escritor publicou ensaios, textos experimentais e textos sobre pinturas, em parcerias com diversos artistas contemporâneos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo