Livros e HQs

Morre aos 87 anos a verdadeira "garotinha ruiva" de Charlie Brown

Reprodução
A "garotinha ruiva" apareceu ao lado de Charlie Brown na animação "Snoopy e Charlie Brown - O Filme", de 2015 Imagem: Reprodução

Washington (EUA)

23/08/2016 11h42

A "garotinha ruiva", por quem Charlie Brown sempre foi apaixonado nas tirinhas "Peanuts", mas para quem nunca foi capaz de declarar seu amor, morreu na vida real. O nome dela era Donna Mae Wold.

A mulher com cabelos vermelhos que inspirou Charles Schultz a criar a personagem, pela qual Charlie Brown "daria tudo" para que fosse se sentar com ele, morreu no início deste mês perto de Minneapolis, de insuficiência cardíaca e diabetes, noticiou nesta terça-feira (23) o jornal "Star Tribune". Ela tinha 87 anos de idade.

Reprodução/The Story of Charles M. Schulz (Pharos Books)
Charles Schulz com Donna Johnson, a verdadeira "garotinha ruiva", em foto de abril de 1950 Imagem: Reprodução/The Story of Charles M. Schulz (Pharos Books)

O criador de Snoopy e Donna Johnson - seu nome de solteira - namoraram por vários anos, e Charles Schultz até propôs casamento a ela, mas ela recusou, de acordo com o Washington Post.

Foi apenas em 1989 que o nome real da ruivinha foi revelado em uma biografia autorizada de Charles Schultz, escrita por Rheta Grimsley Jhonson.

"Eu tive uma vida bela. Uma vida muito bela", disse ela, à época, ao Washington Post.

Ela deixa o marido Alan, três filhas, sete netos e 13 bisnetos, de acordo com o Star Tribune.

A "garotinha ruiva" - uma personagem que permitiu a Charles Schultz enfatizar a timidez paralisante e falta de confiança do menino Charlie Brown - quase nunca aparece nos quadrinhos.

Mas, em contrapartida, está presente em vários desenhos animados, incluindo o mais recente, "Snoopy e Charlie Brown - O Filme", lançado em 2015.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Da Redação
Página Cinco
UOL Jogos
do UOL
AFP
BBC
BBC
Página Cinco
Página Cinco
AFP
Da Redação
AFP
Página Cinco
do UOL
Página Cinco
Da Redação
do UOL
Página Cinco
Da Redação
Reuters
Página Cinco
Da Redação
do UOL
Página Cinco
EFE
Página Cinco
Da Redação
AFP
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
BBC
Página Cinco
UOL Jogos
UOL Jogos
Entretenimento
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
Entretenimento
AFP
Da Redação
Página Cinco
EFE
do UOL
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
Topo