Entretenimento

Maior diamante bruto do mundo não encontra comprador

29/06/2016 16h02

Londres, 29 Jun 2016 (AFP) - O maior diamante bruto que existe no mundo não encontrou comprador em um leilão nesta quarta-feira em Londres, por não alcançar o preço de reserva de 70 milhões de dólares (63 milhões de euros), constatou a AFP.

A proposta mais alta chegou aos 61 milhões de dólares durante a venda organizada pela casa de leilões Sotheby's.

O diamante, do tamanho de uma pequena bola de tênis e chamado de "Lesedi La Rona", foi descoberto há nove meses em Botswana pela mineradora Lucara.

Este é o maior diamante descoberto há mais de 100 anos e o primeiro deste tamanho a ser levado a leilão.

O recorde histórico é do lendário "Cullinan" de 3.016,75 quilates, uma pedra descoberta em 1905 na África do Sul.

O "Cullinan" foi transformado em nove diamantes para as joias da Coroa britânica.

No mesmo dia do descobrimento do "Lesedi La Rona", foi encontrado na Botswana outra pedra de 830 quilates, o terceiro maior diamante do mundo.

jk/oaa/pjl/bc/pc/cb

SOTHEBY'S

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo