PUBLICIDADE
Topo

Exemplar da primeira antologia de Shakespeare é vendido por US$ 2,7 milhões

Edição rara da primeira compilação de peças do autor William Shakespeare - Scott Barbour/Getty
Edição rara da primeira compilação de peças do autor William Shakespeare Imagem: Scott Barbour/Getty

Londres (Reino Unido)

25/05/2016 12h56

Um exemplar da primeira compilação das peças teatrais de William Shakespeare, que apareceu em 1623, sete anos após a sua morte, atingiu US$ 2,7 milhões (cerca de R$ 9,7 milhões na cotação atual) e em um leilão realizado nesta quarta-feira (25) pela Christie's, em Londres.

O exemplar deste "First Folio" de Shakespeare, como é conhecida essa antologia, foi vendido por 1,8 milhão de libras (US$ 2,7 milhões, 2,4 milhões de euros), superando seu preço estimado, que tinha sido estabelecido entre 800 mil e 1,2 milhão de libras.

Além disso, foram a leilão uma cópia de cada uma das três edições posteriores (1632, 1664 e 1685), que foram vendidas por 605 mil libras no total (US$ 890 mil, 800 mil euros).

A Christie's informou que os quatro livros foram adquiridos por um colecionador americano cuja identidade não foi revelada.

"Estamos satisfeitos com os resultados alcançados nesse leilão, especialmente porque os quatro livros foram adquiridos pelo mesmo colecionador particular americano", afirmou Margaret Ford, responsável pelos livros e manuscritos na Christie's.

Em 1623, sete anos após a morte de William Shakespeare, foi publicada a primeira coleção de suas peças, algo muito raro para a época.

A antologia salvou do desaparecimento "Macbeth", "Julius Caesar" e outras 16 obras que não tinham sido publicadas antes.

A tiragem foi de cerca de 750 exemplares, dos quais sobreviveram menos de um terço.

"Era muito raro" que antologias ou obras completas fossem publicadas tão cedo após a morte de um autor, indicou à agência France Press Margaret Ford.

"O único precedente que temos conhecimento ocorreu oito anos antes, ou seja, no último ano da vida de Shakespeare, quando o dramaturgo Ben Johnson, ainda vivo, viu suas obras completas publicadas", acrescentou.

Sir George Shuckburgh, um cientista, deputado e notório bibliófilo, foi o proprietário do exemplar leiloado nesta quarta-feira.

Logo depois ele adquiriu cópias da terceira e da quarta edição. Os três volumes de Shuckburg, que desde então têm estado nas mãos de sua família, são aqueles que foram a leilão, juntamente com uma cópia da segunda edição que estava em posse de um colecionador privado americano.

Funcionária da casa de leilões Christie's exibe "First Folio" de William Shakespeare - AP Photo/Kirsty Wigglesworth - AP Photo/Kirsty Wigglesworth
Funcionária da casa de leilões Christie's exibe "First Folio" de William Shakespeare
Imagem: AP Photo/Kirsty Wigglesworth