PUBLICIDADE
Topo

Abbas inaugura Museu Palestino na Cisjordânia

18/05/2016 15h19

Birzeit, Territórios palestinos, 18 Mai 2016 (AFP) - O presidente palestino, Mahmud Abbas, inaugurou um museu nesta quarta-feira, perto de Ramallah, na Cisjordânia ocupada, para "preservar a memória do povo palestino".

A instituição ainda está vazia, e as primeiras exposições devem começar somente a partir de outubro.

"Abrimos hoje um monumento palestino, o Museu Palestino, que preservará a memória do povo palestino e contará sua história", anunciou Abbas, em uma cerimônia na cidade universitária de Bir Zeit, diante de dezenas de autoridades e empresários palestinos.

Segundo Abbas, o museu é um dos pilares da construção de um Estado palestino independente.

De vidro e pedra branca local, o prédio custou US$ 28 milhões e levou 20 anos de preparação e de obras. O objetivo é que sirva de receptáculo de uma memória nacional sujeita - de acordo com os palestinos - às tentativas de negação por parte de Israel.

Nos últimos meses, o diretor e várias pessoas envolvidas abandonaram o projeto, diante de divergências de pontos de vista.