Entretenimento

Lênin ressurge em Berlim 25 anos depois da queda do muro

10/09/2015 10h15

Berlim, 10 Set 2015 (AFP) - Vinte e cinco anos depois da queda do Muro de Berlim, Lênin retornou nesta quinta-feira a esta cidade, onde a cabeça de uma imensa estátua em sua homenagem foi desenterrada.

A cabeça, de 1,70 m, 3,5 toneladas e que ficou enterrada por mais de 20 anos em uma floresta do sudeste de Berlim, e será uma peça valiosa na exposição que a cidade dedicará às figuras-chave da história alemã.

Depois de desenterrada, a cabeça foi colocada em um caminhão, que circulou por Berlim, recordando a cena do filme "Adeus, Lênin!" (2003), na qual o crânio de Lênin, pendurado em um helicóptero, sobrevoa Berlim Oriental logo deois da queda do muro.

A cabeça fazia parte de um monumento criado por Nikolai Tomski, presidente da Academia Soviética das Artes, que representava Lênin de corpo inteiro diante de uma bandeira vermelha. Media 19 metros de altura.

Inaugurado em 19 de abril de 1970, três dias antes do centenário de nascimento do homenageado, permaneceu por 31 anos em uma praça que tinha seu nome.

Em 1991 foi desmontada em 120 pedaços, enterrados em uma zona florestal protegida no sudeste da cidade.

fz-dsa/alf/ia/jvb/dmc/cn

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo