Topo

Entretenimento

Capacete lunar usado por Neil Armstrong será restaurado por financiamento coletivo

20/07/2015 20h57

Washington, 20 Jul 2015 (AFP) - O Instituto Smithsonian, que administra o Museu Nacional do Ar e Espaço, em Washington, lançou nesta segunda-feira uma campanha no site Kickstarter para levantar os 500 mil dólares necessários para restaurar o capacete que o astronauta Neil Armstrong usou em sua viagem para a Lua.

É a primeira vez que o Smithsonian lança uma campanha para preservar uma de suas mais preciosas relíquias.

Em poucas horas, a campanha denominada "Reboot the suite" ("restauração do capacete") arrecadou cerca de 120.000 dólares.

A campanha foi lançada nesta segunda-feira, aniversário da bem-sucedida missão Apollo 11, que em 1969 fez com que Neil Armstrong se tornasse o primeiro homem a pisar na Lua.

O Smithsonian espera restaurar o traje branco e o capacete do astronauta antes de 2019, quando o 50º aniversário deste momento histórico será celebrado.

O governo dos Estados Unidos financia o Instituto Smithsonian, que administra 19 museus e galerias e é responsável pela preservação de acervos. No entanto, exposições temporárias e restaurações dependem em grande parte de doações privadas.

Neil Armstrong morreu aos 82 anos em 2012. A cápsula do Apollo 11 na qual Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins viajaram para a Lua está em exposição no Museu Nacional do Ar e Espaço, em Washington.

A campanha mais importante financiada pelo site Kickstarter tornou possível arrecadar mais de 20 milhões de dólares para a criação do Pebble SmartWatch - um relógio inteligente fabricados em Taiwan, que foi colocado à venda este mês.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento