PUBLICIDADE
Topo

Site russo pregando ateísmo é bloqueado por 'insulto aos cristãos'

13/07/2015 13h29

Moscou, 13 Jul 2015 (AFP) - Uma página na internet pregando o ateísmo foi bloqueada nesta segunda-feira na rede social mais popular da Rússia, após a justiça afirmar que "insultava os sentimentos dos cristãos ortodoxos".

A página do grupo "Deus não existe", que contava com 26.000 inscritos, foi bloqueada no Vkontakte, o "Facebook russo", em razão de uma decisão de um tribunal da Chechênia, república russa do Cáucaso de maioria muçulmana, segundo os moderadores.

"O grupo foi bloqueado devido a possíveis violações das regras do site", diz a mensagem dos moderadores da página.

Vkontakte não quis comentar o caso.

De acordo com a justiça, o conteúdo da página em questão "insulta os sentimentos dos cristãos ortodoxos".

Uma versão da página disponível em cache mostra imagens zombando da religião, principalmente a Igreja Ortodoxa Russa.

Uma das imagens é uma caricatura de Jesus dizendo a um cirurgião durante uma operação: "Eu criei esse câncer, como se atreve a excluí-lo?", o médico responde: "Cale-se, Jesus".

Desde 2012, o insulto aos sentimentos religiosos dos crentes é um crime na Rússia, punível com até três anos de prisão.

ma/pop/mp/nm/mr

Facebook