PUBLICIDADE
Topo

Jornalista angolano condenado por livro sobre minas de diamantes

Em Luanda

28/05/2015 10h34

O jornalista angolano Rafael Marques, julgado por um tribunal militar, foi condenado nesta quinta-feira (27) a seis meses de prisão condicional por um livro sobre a violência cometida em uma região de minas de diamantes.

"O juiz e seus assessores decidem, em nome da população, condenar Rafael Marques de Morais, acusado do crime de denúncia caluniosa, a uma pena única de seis meses de prisão condicional", afirmou o juiz Adriano Cerveira.

O tribunal determinou a retirada do livro das vendas, inclusive pela internet, e que a obra não seja reeditada ou traduzida, sob pena de prisão.

A condenação é mais severa que a solicitada pelo promotor, que pediu um mês de prisão condicional . O advogado de Marques anunciou que vai recorrer da decisão.

Em uma carta aberta divulgada antes do anúncio da sentença, 50 organizações de defesa dos direitos humanos denunciaram a condenação do jornalista e a "degradação da situação da liberdade de expressão em Angola".