PUBLICIDADE
Topo

Chargista da "Charlie Hebdo", Luz, publica livro sobre o ataque à revista

O cartunista da revista francesa "Charlie Hebdo" Renald Luzier, conhecido como Luz - Martin Bureau/AFP Photo
O cartunista da revista francesa "Charlie Hebdo" Renald Luzier, conhecido como Luz Imagem: Martin Bureau/AFP Photo

De Paris (França)

21/05/2015 11h21

O emblemático cartunista da revista satírica francesa "Charlie Hebdo", Luz, lançou nesta quinta-feira (21) o álbum "Catharsis", no qual ele conta como pouco a pouco reencontrou a luz após o atentado de 7 de janeiro que dizimou a redação da publicação.

"Um dia o desenho me deixou, o mesmo dia que um punhado de amigos queridos. Com a única diferença que o desenho voltou. Pouco a pouco. Ao mesmo tempo mais sombrio e mais leve", escreveu Luz na introdução deste álbum, publicado pela Futuropolis.

Em diferentes estilos gráficos, ele conta a história desse "reencontro" com o desenho e recria o caleidoscópio de sua vida após o assassinato de seus amigos nos escritórios da revista: pesadelos, escolta policial, as cenas de amor com sua namorada.

"Este livro não é um testemunho, muito menos um livro em quadrinhos", escreveu o cartunista, que anunciou sua saída esta semana da Charlie Hebdo em setembro, explicando que havia se tornado "muito difícil trabalhar com o noticiário".