Topo

Entretenimento

Ataque virtual afeta mídias belgas e francesas

13/04/2015 19h58

Bruxelas, 13 Abr 2015 (AFP) - Um grupo de hackers lançou nesta segunda-feira ataques contra veículos de comunicação dos grupos Rossel e IPM e dois jornais franceses, informaram as empresas afetadas nesta segunda-feira.

O grupo belga Rossel foi vítima neste domingo de um ataque virtual de grande magnitude, que quase impediu a publicação do jornal Le Soir, e que prejudicou o acesso aos portais do conglomerado Rossel durante várias horas.

"O site foi paralisado durante "breves instantes" para poder controlar um incêndio que ameaçava se propagar", explicou o diretor geral da rede pública belga RTBF, Didier Hamann.

Os sites dos jornais franceses da província L'Union de Reims e L'Union de Ardennais também tiveram que suspender o acesso à sua página virtual durante meia hora.

Esse novo ataque, que consiste em bombardear as páginas com pedidos simultâneos que o servidor não pode gerenciar e que o paralisam, também afetou outros grupos.

Os sites dos jornais do grupo IPM, La Libre Belgique e La Dernière Heure, também foram atacados.

Na semana passada, a rede francesa de televisão TV5Monde sofreu um ataque virtual que paralisou suas transmissões. A ação foi reivindicada por hackers que se identificaram como membros do grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

Hamann, contudo, disse que não há qualquer elemento que leve a crer que é o ataque que afetou a TV5Monde.



axr-jlb/dac/an/cc/mvv

Mais Entretenimento